Beto Carteiro

Quem mora em Santa Catarina, principalmente aqui pro norte do estado, vai acabar cedo ou tarde passando o aniversário na Disney brasileira. Com dois aniversários num espaço de dois dias e um deles ainda caindo num feriado, lá fomos nós!

Mesmo passando longe das montanhas russas e elevadores que despencam, dá pra se divertir demais em atrações clássicas, como o carro de bate/bate (pelo menos esse era o nome na minha longínqua infância) e todas as que envolvem um carro na água ou um trem.

Mas o mais legal, realmente, é se deixar levar pela brincadeira e ficar de bobeira, feito criança. Tem muita coisa tosca e feinha, muita estátua, bicho gigante, alguns brinquedos parecem que não passam por manutenção desde os anos 80, mas no geral o parque é bem arrumado, ajeitado e variado.

Se você deixar, entra no clima facinho, mesmo que não resista a fazer inúmeras piadas com o sobrenome do cowboy herói. Beto Carteiro é a nossa preferida.

Pra fechar, duas ou três dicas se você nunca visitou o parque:

  • Comida: tem bastante opção, tipo shopping (ou seja, caro e sem gosto). Mesmo levando uns sanduiches e bolachas, se gasta uns 30 reais por pessoa pra almoçar e comer um doce.
  • Shows: se você não está querendo ficar muito tempo em fila, esqueça. Os shows gratuitos lotam muito rápido.
  • Relaxe: vá onde der vontade, na hora que der vontade. Se tiver fila, curta a fila.
  • Parque de diversão não é pra estressar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s